24 de agosto de 2009

Conheça o novo RG, o RIC (Registro Único de Identidade Civil)

O Governo Federal tem projeto há algum tempo de fazer um único documento de identificação. Um projeto para ter um único registro data de 1997, ainda no governo Fernando Henrique. Em 2004, o governo Lula deu continuidade com um investimento de 35 milhões de dólares, adquirindo o Sistema Automatizado de Identificação de Impressões Digitais (o AFIS, do inglês Automated Fingerprint Identification System). E como resultado disso tudo, em 2009 entra em vigor o Registro Único de Identidade Civil, o RIC.



Esse novo documento facilitará a vida dos cidadãos, pois ao fazer um novo cadastro, qualquer que seja, não precisaremos mais informar e tirar cópia de diversos documentos, resumindo esse processo a apenas um cartão magnético como os de banco, munido de um chip que armazenará os dados biométricos do cidadão (altura e impressões digitais, por exemplo) além de documentos como RG (Registro Geral), CPF (Cadastro de Pessoa Física), CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social), Título de Eleitor, PIS/PASEP e CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O Baixaki fez um review sobre a nova documentação, que começa a valer já em 2009. Confira abaixo um trecho do texto ou veja a matéria completa.

Vamos pontuar alguns pontos positivos desta nova carteira de identidade. Talvez a primeira e principal delas seja a praticidade conferida por um registro único, que nos livrará de ter que informar várias sequências de números toda vez em que um cadastro for realizado, ou então tirar várias cópias de vários documentos diferentes para motivo semelhante. Depois do RIC, apenas um documento, uma sequência numérica será o suficiente.

Outro ponto interessante é a praticidade para retirar novas vias. Se você mora fora de seu estado de origem e já precisou retirar novas vias de seus documentos, já sentiu na pele esta burocracia para conseguir alguns deles, como RG e título de eleitor. Com o RIC, por meio do número, será possível fazer isso em qualquer estado brasileiro sem maiores dificuldades.

A segurança também é ponto-chave deste novo projeto. Com a novidade, ficará ainda mais difícil falsificar documentos, pois um chip presente no cartão garantirá a autenticidade das informações ali prestadas. Além disso, no verso do cartão estarão presentes uma série de códigos e também uma pequena reprodução da foto do cidadão, mais dois obstáculos contra falsificadores.

Por fim, a impressão a laser em um cartão de policarbonato preparado especialmente para isso evitará que o cartão se desgaste ou se quebre com facilidade. Este tipo de impressão não é removido com produtos químicos, e além de ajudar a proteger contra fraudes, garante ainda a durabilidade e a legibilidade do documento. É o Brasil um passo adiante de outras nações quando o assunto é identificação civil.


Para entender um pouco melhor como funciona esse novo documento de identificação, veja o vídeo institucional do Registro Único de Identidade Civil abaixo.



Vocês acham que esse novo documento único é uma boa? Comentem o que acharam dele.

3 comentários:

Gabriel Saraiva disse...

Nossa esse seu Blog demorou hrs pra abrir!!!!!

AMEIII A NOVIDADE, DEMOROU NÉ!!!

VAMOS AJUDA O POVOOOO

Rafael Leick disse...

Aqui abriu rapidinho, deve ser por causa dos vídeos eu acho...

Mas realmente tinha demorado pra acontecer. Pelo menos agora facilitou um pouco, né?

Thanks pelo coment

Julis Lazaro disse...

Adorei isso!
Já tinha vis a respeito no inicio do ano mas achei que tudo tinha ido por água abaixo, pq não ouvi mais nada....nem li nada no site da policia federal...
Quero um desse pra mim!
Muito mais prático, rápido e eficiente.

Bjocas

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...